sábado, 31 de outubro de 2015

•¤° A Menina Submersa: Memórias - Caitlín R. Kiernan •¤°

Para começar vamos parabenizar a editora por essa belíssima e incrível edição deste livro da editora Darkside está de parabéns. Certamente está capa da edição limited merece um especial elogio pois ficou linda, a capa dura com esta libélula além do rosa nas páginas deu um toque especial. 
Enfim agora falando sobre o enredo, não sei o que foi mas não me agradou de todo, a história tinha tudo  pra ser ótima, mas não conseguiu me prender acabei achando maçante e cansativa, teve momentos que lia apenas por que queria acabar rápido o livro, em parte a culpa não foi da história acho que deveria ter pesquisado um pouco mais sobre o livro, por que é como se fosse um livro de fantasia misturado com uma biografia da personagem e não gosto de livros assim, então aconselho este livro apenas para pessoas que gostam de livros bem detalhados.
O livro conta a história de India Morgan Phelps, mais conhecida como Imp, uma moça que tem esquizofrenia, o livro começa de um jeito bem cômico e leve por assim dizer ela fala que ela teve ser maluca pois a mãe dela e a avó eram malucas e por isso ela também teve ser, Imp não conheceu o pai e perdeu a mãe e a vó pelo mesmo transtorno psiquiátrico.


terça-feira, 6 de outubro de 2015

•¤° Frase - Todo dia •¤°

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

•¤° Todo Dia - David Levithan •¤°

Em primeiro lugar, nossa que saudades eu estava do blog, de fazer uma resenha expor minha opinião, já faz um ano deste a última vez que estive aqui nem dá pra acreditar, como falei antigamente em uma postagem, muitas coisas mudaram e continuam mudando, dizem que quando mais o tempo passa menos tempo temos pra fazer algumas coisas, e isso é verdade, não é por falta de vontade, mas sim por prioridades, eu priorizei minha vida pessoal e social e infelizmente optei por deixar o blog parado e apenas curtir minhas leituras, espero mais para frente fazer postagens de livros e filmes que andei vendo e lendo que foram incríveis.

Hoje eu tive que vim falar deste livro Todo dia do David Levithan, porque? em primeiro lugar pela história achei incrível um personagem que troca de corpo não por que quer, e sim por que simplesmente acontece, e em segundo lugar por que sempre vi nas redes sociais conflitos de opiniões, algumas pessoas achando o livro maravilhoso e outras odiando, então resolvi ler para tirar minha própria opinião.


  

Esta história foi bem diferente do que eu imaginava e do que estou acostumada, o personagem A (como ele mesmo se chama) vamos se dizer que é bem diferente, bom para começar se imagine acordar todos os dias em um corpo diferente, em um lugar diferente, sendo uma pessoa diferente, não importando se é homem ou mulher, incrível não?